Fiel Não vai acreditar que e o novo técnico do Corinthians

O Corinthians já tem um técnico para a próxima temporada:  topou assumir o clube assim que terminar , o fim deste ano. Porém, o presidente Roberto Andrade ainda trabalha com a possibilidade de convencê-lo a trocar de emprego durante a reta final do Brasileirão.
Inclusive, a eliminação da Macaca na Copa do Brasil, nesta quarta-feira, após empate em 2 a 2 com o Atlético-MG, foi festejada pela diretoria corintiana. Entende-se no Parque São Jorge que a permanência do time campineiro no torneio mata-mata tornaria ainda mais difícil um acerto para já.

Eduardo Baptista é um velho sonho corintiano. O ex-presidente Andrés Sanchez o defende desde o ano passado, quando o filho de Nelsinho Baptista chamou atenção com o bom trabalho à frente do Sport. Em junho deste ano, quando Tite deixou o Corinthians para trabalhar na seleção brasileira, Eduardo foi convidado, mas recusou, conforme o Blog revelou com exclusividade em 15 de junho.

O comandante da Ponte sempre se declarou contrário a romper um contrato. Na única vez que fez isso, se mudando do Sport para o Fluminense, em setembro do ano passado, acabou demitido pelo Tricolor das Laranjeiras cinco meses depois.

Roberto Andrade não confirmou a permanência de Fábio Carille mesmo depois do triunfo que classificou o Corinthians para as quartas de final da Copa do Brasil, por 1 a 0, em cima do Fluminense. "A gente vai levando. Se aparecer um outro treinador que nos interesse, vamos trazê-lo, independentemente do resultado”, disse o presidente, na saída do estádio em Itaquera.

“O Carille está até o fim do ano, mas isso não significa que eu não possa trazer um treinador, ou que eu tenho de manter o que eu falei. Se eu achar que ele tem de ficar, ele vai ficar”, acrescentou.

Por meio de sua assessoria de imprensa, Eduardo Baptista entrou em contato com o Blog no fim da manhã desta quinta-feira para afirmar que não há acordo entre as partes.
54663 visitas - Fonte: Jorge Nicola